Curiosidades Sobre Carioba




Vou mostrar para vocês algumas curiosidades de Carioba. Algumas nós já conhecemos, mas outras não.

- "Carioba" significa "pano branco" em tupi;


- A Usina Hidro elétrica de Salto Grande foi a primeira em seu gênero especial a ser instalada na América do Sul;


- Na Casa Hermann Muller havia uma piscina de águas naturais e uma "cúpula observatória astrológica";


- Hermann Muller foi presidente do sub diretório do Partido Republicano;


- A Fábrica de Tecidos Carioba produzia 6 milhões e 500 mil metros de tecidos por ano;


- A maioria dos operários eram imigrantes italianos;


- As ruas do bairro foram as primeiras a receberem asfalto no Brasil;


- Havia esgoto e coleta de lixo;


- Toda a água da tinturaria era tratada antes de ser despejada para o rio.


A Fábrica de Tecidos Carioba é considerada como berço da industrialização de Americana. 


Local de características ímpares por sua privilegiada situação geográfica, um recanto de rara beleza natural chegou ao apogeu de seu desenvolvimento têxtil, arquitetônico e paisagístico sob a administração da família Müller.


Estes proprietários, de origem alemã, transplantaram para a localidade toda a concepção de urbanização baseada no estilo europeu que se materializou nas edificações das fábricas, residências patronais, hotel, escola, cooperativa e moradias dos operários.


Carioba ao lado da importante atividade têxtil que atraía a mão de obra dos imigrantes estabelecidos na região, oferecia também inúmeras possibilidades de educação e lazer em meio a uma intensa participação cultural. 


Tornou-se um cartão de visitas para numerosos visitantes tanto do Brasil como do Exterior.


Por várias décadas foi o centro da atividade têxtil que depois se irradiou para a Vila Americana, principalmente a partir de 1940.


As pessoas que aí nasceram e viveram se empenham até o presente pela preservação de todo o conjunto arquitetônico de Vila Carioba. 


Durante os anos 80, após o pedido de tombamento junto ao Condephaat sido arquivado, acabou tendo grande parte de seus prédios demolidos, notadamente as construções da vila operária.


O acervo remanescente que hoje é de propriedade do Poder Público Municipal uma vez preservado contará às futuras gerações um pouco de nossa história, resgatando para as pessoas que lá viveram um pouco "de seu paraíso".


VEJA MAIS SOBRE CARIOBA


    VEJA TAMBÉM