Reflexão - Causas De Corações Feridos



Quando estamos doentes, o certo é procurarmos um médico.  Conforme a doença, ele nos receitará um tratamento adequado...

Cada doença requer um tratamento específico.  Por isso mesmo não se deve partir para a automedicação.  Aliás, este é um problema muito sério, que precisa ser enfrentado por todos.  

A automedicação, além de colocar em risco a própria vida, pode, à longo prazo, vir a ser um obstáculo para a cura de muitas doenças graves, pois o organismo "se vicia" no remédio e quando for necessária uma intervenção mais decisiva, a situação pode se complicar bastante.  

O diagnóstico médico, os exames complementares e o cauteloso acompanhamento serão decisivos no prognóstico do tratamento, que poderá ser uma intervenção cirúrgica, um tratamento à base de antibióticos, analgésicos, etc. 

O mesmo deve ocorrer com a nossa cura interior.  Nesse caso, chamo de automedicamento a busca desenfreada, por conta própria, de terapias e mistura de teses e correntes pseudo-espirituais.  

Hoje em dia se fala muito em terapias de auto-ajuda.  Todos os mestres dessa corrente falam constantemente da necessidade de se conhecer melhor, de saber quem somos.  
Mas o mais importante de saber quem sou é saber à quem eu pertenço.  

A Bíblia nos revela que somos de Deus e que somente nele e a partir dele podemos descobrir os caminhos para nossa felicidade e realização. Por isso, num processo de cura interior, é muito importante invocar insistentemente o Espírito Santo.  

Abrir-se ao Espírito é o primeiro passo para descobrir o infinito amor de Deus em nossa vida.  Essa abertura acontece com a oração.  

A Bíblia fala do Espírito Santo como força, dínamo, energia, luz.  

E entusiasmo é exatamente isso, ter Deus dentro de nós.  

Perdemos alegria de viver quando deixamos viver em nós o ódio, o desamor, a mentira, o pecado, tudo que nos afasta da presença e da graça de Deus. 

Uma das grandes causas de corações feridos e machucados hoje em dia é exatamente a ausência de Deus na vida das pessoas.  

Vivemos num mundo que parece não ter espaço para Deus.  
Enchemos o coração com as coisas do mundo, com os apegos materiais, com as forças negativas do pecado.  A consequência só poderá ser a falta de entusiasmo.

Abra seu coração para Deus.  Reserve um lugar especial para Ele em sua vida.


Gostou? Aproveita e compartilha essa postagem no Google+, Facebook, etc. Se foi bom para você, talvez possa ser bom para mais pessoas...



Share Button




MAIS SUGESTÕES PARA VOCÊ